Nota de esclarecimento

Ao contrario do que publicado ontem em email enviados aos órgão de comunicação SSP emite nota retificando equivoco sor a prisão do empresário Eduardo Augusto Rodrigues Pereira, leia a integra da nota

 

Nota de esclarecimento

Palmas, 8 de agosto de 2017

Ascom/SSP

A Secretaria da Segurança Pública, por meio de seu órgão de comunicação, esclarece que a matéria noticiada em nosso site sob o título; “Empresário foragido da Justiça é preso pela Polícia Civil em Palmas”, em cujo conteúdo constou que o nacional Eduardo Augusto Rodrigues Pereira é suspeito de ser o mandante do crime de homicídio de José Marcos Lima, morto dentro da Casa de Prisão Provisória de Palmas, no dia 3 de março de 2017, supostamente a mando de Eduardo, é completamente distorcida da verdade e foi incluída no site da SSP/TO sem autorização da chefia do Gabinete do Secretario da Segurança e nem da Delegacia Geral de Polícia Civil, cuja apuração se procederá pelo órgão correicional próprio.

 

Por oportuno, se esclarece que a morte do detendo José Marcos Lima está sendo apurada por inquérito, que tramita no Juízo Criminal de Palmas.

Avalie este item
(0 votos)

Mais notícias - Tocantins

Cidades

    Política

      Tocantins

        Brasil

          Tocantins

            Opinião

              Topo