Mauro Carlesse é eleito governador para o mandato-tampão

Mauro Carlesse vai ficar no cargo até o dia 31 de dezembro e pode concorrer à reeleição em outubro. A posse deve ser realizada até o dia 9 de julho Mauro Carlesse vai ficar no cargo até o dia 31 de dezembro e pode concorrer à reeleição em outubro. A posse deve ser realizada até o dia 9 de julho Secom/To

O presidente da Assembleia Legislativa e governador interino teve 75,14% dos votos válidos contra 24,86% de Vicentinho Alves (PR). Ele vai ficar no cargo até o dia 31 de dezembro e pode concorrer à reeleição em outubro

 

Da Redação

 

O deputado Mauro Carlesse (PHS) foi eleito governador do Tocantins, ele teve mais de 75.14% dos votos válidos. O senador Vicentinho Alves (PR) obteve 24.86% dos votos validos. Votos nulos foram mais de 23%. Os bancos foram 2,8%.

 

Carlesse foi eleito em julho de 2016 pra cargo de presidente da Assembleia Legislativa para o biênio 2017/2019. Ele assumiu o governo do Tocantins após a cassação de Marcelo Miranda (MDB) e Cláudia Lelis (PV) e se candidatou para permanecer no cargo.

 

Carlesse disputou o pleito representando uma coalizão formada pelo PHS, DEM, PRB, PP, PPS, PMN e PTC.  Ele tem o apoio do grupo do ex-governador Siquera Campos e seu filho Eduardo Siqueira Campos, que articularam sua eleição para a presidência da Assembleia Legislativa. Também teve como um dos coordenador de sua campanha o ex-governador (também tampão) Carlos Gaguim, que na época com a primeira cassação de Marcelo Miranda foi eleito pelos deputados, sendo ele o presidente da Assembleia Legislativa. Assim como a maioria dos deputados estaduais também o apoiaram.

 

Carlesse nasceu em Terra Boa (PR) e no Tocantins atuou como empresário e agropecuarista. Ele iniciou na política ao se filiar no Partido Verde (PV) em 2011. Foi candidato a prefeito em Gurupi nas eleições de 2012. No ano seguinte, filiou-se ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) e venceu as eleições de 2014 para deputado estadual.

 

Como já havíamos previsto aqui em o relato, o número de votos nulos brancos e abstenções somas 54%, do eleitorado.

 

As promessas de Mauro Carlesse serão difíceis de serem cumpridas, pois um mandato tampão de sies meses é muito curto para a implementação de seu plano de governo que foi entregue ao TRE. Entra as mais difíceis está a redução do número de servidores contratados e nomeados. Os problemas da área da saúde, na gerencia e má aplicação dos recursos financeiros e humanos. Contenção de despesas, investimento na infraestrutura básicas fazendo assim gera empregos e renda.  

 

Avalie este item
(0 votos)

Mais notícias - Tocantins

Cidades

    Política

      Tocantins

        Brasil

          Tocantins

            Opinião

              Topo