Governador Mauro Carlesse cumpre agenda em Gurupi e determina conclusão do Hospital Regional

Mauro Carlesse também visitou as obras do Hospital Geral de Gurupi, paralisadas a quase três anos, e disse que a retomada das obras é uma prioridade - Esequias Araújo/Governo do Tocantins

 

Da Assessoria

 

Após três dias no comando do Executivo Estadual, o governador Mauro Carlesse retornou, nesse sábado, 31, à cidade de Gurupi onde reside e iniciou sua carreira política. Por volta das 11 horas, Mauro Carlesse foi recebido no aeroporto por empresários, líderes locais, amigos e pela Orquestra Sanfônica Capim Dourado, da Escola Estadual Joaquim Pereira. “Estou muito feliz nesse retorno a Gurupi. Tenho compromissos com esta cidade que gosto muito”, disse logo desembarcar.

 

O primeiro compromisso do governador foi visitar o novo Hospital Geral de Gurupi (HGG), que está com obras paralisadas. Acompanhado dos médicos Brener Brandão e Francisco Macedo, o chefe do Executivo conheceu a estrutura da unidade, cuja primeira etapa começou a ser construída em abril de 2014, mas encontra-se paralisada a quase três anos. O investimento previsto só na primeira fase era de R$ 29,5 milhões.

 

“Vamos destravar essa obra o mais urgente possível. Isso é prioridade. Falta uma contrapartida do Estado de cerca de R$ 12 milhões para o reinício da obra e o nosso governo já está trabalhando nisso”, disse o governador. O Hospital Geral de Gurupi terá, no total, 200 leitos de internação, UTIs adultas e pediátricas e salas de cirurgias. Depois de pronto, atenderá 27 municípios das regiões sul e sudeste do Tocantins.

 

Ampliação Hospital Regional

O governador Mauro Carlesse também visitou as obras de ampliação do Hospital Regional de Gurupi (HRG). A construção está praticamente pronta com o aumento do número de leitos e UTI com atendimentos separados para pacientes clínicos e pacientes com traumatismo. Faltando apenas alguns detalhes, o governador determinou que a obra seja concluída imediatamente. “Vamos entregar esta obra totalmente pronta dentro de poucos dias. Precisamos melhorar o atendimento de nosso povo e com esta ampliação iremos amenizar um pouco o sofrimento das pessoas”, afirmou.

 

 

Avalie este item
(0 votos)

Mais notícias - Tocantins

Cidades

    Política

      Tocantins

        Brasil

          Tocantins

            Opinião

              Topo