Semana da Cultura acontece no Centro de Ensino Médio Félix Camoa

Lançamento de livro, criação do clube do livro, exposições de artes, fotografias, cinema, música, palestras e debates marcaram o evento

 

Da Assessoria

 

O Centro de Ensino Médio Félix Camoa, município de Porto Nacional, realizou no período de 26 a 29 de junho a SEMANA DA CULTURA, organizada pela Professora Maria das Graças Cantão. Abertura do evento contou com um momento musical com a participação de alunos e professores. Palestras com temas como “o processo de construção dos símbolos políticos”, documentários, exibição de vídeos de um minuto, exposições de telas e fotografias com releitura de obras literárias e lançamento do Clube do Livro. A abertura do evento contou com pais e responsáveis, alunos, professores.

O festival de vídeos de um minuto tem como objetivo promover uma socialização de conteúdos audiovisuais, estimulando o senso de criatividade dos alunos, com a parceria dos professores: Graças Cantão, Wanderson Lucena e Rosilde Aires que incentivaram os alunos a produzirem conteúdo audiovisual de até 60 segundos. Para participar, é preciso apenas um celular, uma câmera ou uma filmadora digital e muita criatividade para transformar ideias em produções de um minuto de duração. Uma oportunidade para os futuros aspirantes a cineastas mostrarem seus talentos.

 

A exposição de telas retratou as obras de vários artistas como Romero Brito, Tarsila do Amaral, Volp e Portinari, trabalhos feitos pelos alunos nas aulas do ProEMI da Professora Evanice Matos.

 

Durante a semana houve uma exposição do Documentário “ROMANA”, a documentarista da Universidade Federal do Tocantins Campus Porto Nacional Helen Lopes, com o apoio do Professor Dr. Marcelo Brice,  mostrou a história de Dona Romana, uma mulher com um estilo de vida peculiar, moradora  da cidade de Natividade Tocantins. Romana é uma das líderes religiosas da região, segundo ela, nunca frequentou a escola, inspirada pela religiosidade, sua residência e esculturas são cheias de significado.

 

O evento contou também com uma Palestra sobre o livro “Do Girassol ao Capim Dourado: Apropriação e ressignificação de elementos naturais na narrativa identitária do Estado do Tocantins”, ministrada pela Escritora e Professora da UFT Ana Carolina Costa dos Anjos. O livro que teve sua origem de uma dissertação de mestrado, discutiu em um contexto histórico sobre o processo de construção dos símbolos políticos que, em tese, sustentam e dão legitimidade aos principais mandatários do Estado. A escritora mostrou como o Estado do Tocantins se tornou solo fértil para que tradições políticas fossem por aqui também inventadas, todo trabalho foi respaldado por uma farta documentação analisada minunciosamente pela autora, que fez o público navegar por nossa recente história do Tocantins.

Concomitantemente ao evento está acontecendo o lançamento do Clube do Livro, que foi uma iniciativa dos Professores Richardson Melo, Jefersandro Jácome e a coordenadora de Apoio Iraildes Costa. O Clube é formado por um grupo de alunos que tem a missão de ir aonde nenhum outro homem foi.. Todos a bordo (Nossa nave é a leitura) e, a partir daí, eles socializaram com outros alunos, para motivar a criar o hábito da leitura. O aluno Felipe Fernandes Souza, da turma 33.05, falou dos pontos primordiais na aprendizagem do aluno leitor, que são: criatividade, interpretação, escrita e cultura. Futuramente querem expandir para outras escolas.

 

Informações repassadas por Rosilde Aires de França Maya - coordenadora de apoio pedagógico do CEM Félix Camoa.

Avalie este item
(0 votos)

Mais notícias - Educação e Cultura

Cidades

    Política

      Tocantins

        Brasil

          Tocantins

            Opinião

              Topo