450 quilos de carne em abate irregular são apreendidos

Local onde acontecia a abates Local onde acontecia a abates

Ação conjunta entre SIE e SIM de Lajeado apreende e inutiliza carne candestina

 

Por Welcton de Oliveira


Atendendo uma denúncia por meio do sistema de Ouvidoria Geral do Estado, equipe do Serviço de Inspeção Estadual (SIE) da Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec) realizou em conjunto com o Serviço de Inspeção Municipal (SIM) de Lajeado, na manhã desta quarta-feira, 19, uma ação de fiscalização ao abate irregular de animais em um matadouro, no município de Lajeado a 50 quilômetros da capital. A atuação culminou na apreensão de duas carcaças de bovinos de aproximadamente 450 quilos, que estavam sendo abatidos de forma irregular e fora das normas higiênico-sanitária. A carga foi destruída pelo SIM no aterro sanitário da cidade.


De acordo com o inspetor de defesa agropecuária da Adapec, Ricardo Matarazzo, o estabelecimento possui uma autorização provisória expedida pelo SIM de Lajeado para abate de animais, porém, quando a equipe chegou no local os animais já tinham sido abatidos sem a presença do serviço oficial de inspeção local, conforme exige a legislação. “Como o proprietário apresentou a autorização do registro comunicamos ao responsável pelo SIM de Lajeado que se deslocou até o local e constatou as irregularidades assumindo a apreensão e destruição das carcaças”, relatou o inspetor.


No matadouro, a equipe do SIE verificou que o abate estava sendo feito sem as mínimas condições de higiene. Foram encontradas carne e vísceras dos animais expostas ao chão, o piso totalmente sujo, couros em carroças dentro do local de abate, além da falta de cuidado com o bem estar animal com utilização de marretas para abate dos animais.


A Adapec emitiu um termo de notificação e orientou o proprietário sobre as normas legais para o abate de animais. A ação contou com o apoio dos fiscais da barreira volante da regional de Palmas.

Avalie este item
(0 votos)

Mais notícias - Cidades

Cidades

    Política

      Tocantins

        Brasil

          Tocantins

            Opinião

              Topo